Apóie a imprensa democrática e popular

Greve dos profissionais da educação do Rio segue com força total

Por Patrick Granja / A Nova Democracia

A greve dos profissionais de educação do Rio de Janeiro completou dois meses e, mesmo assim,  o gerenciamento estadual segue indiferente às justas reivindicações dos trabalhadores. Na tarde de ontem, uma assembléia da categoria lotou a casa de shows Fundição Progresso, na Lapa, zona norte do Rio. Os profissionais da educação decidiram continuar com a greve e, em seguida, saíram em passeata pelas ruas do Centro da cidade. A avenida Rio Branco foi bloqueada para  a encenação de uma peça de teatro. Na esquete, o governador Sérgio Cabral, representado pela morte, atacava os trabalhadores, que em seguida, se levantavam contra o político. Nossa equipe de reportagem esteve no local e conversou com os profissionais em greve.

 A manifetação seguiu em direção às escadarias da Assembléia Legislativa, onde bombeiros se preparavam para mais um ato. Há meses, eles também travam uma dura batalha por melhores salários contra o gerenciamento estadual. Muitos bombeiros acompanharam o protesto dos profissionais da educação e declararam total apóio à luta da categoria, que exige a incorporção imediata das gratificações do Programa Nova Escola e um reajuste real de 26%. Enquanto o governador Sérgio Cabral e o secretário de educação Wilson Risolia continuarem indiferentes às suas reivindicações, professores e funcionários da rede estadual de ensino prometem que não darão nem uma passo atrás na greve que já dura dois meses.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s