Apóie a imprensa democrática e popular

Polícia yankee atira contra o povo e é respondida com paus e pedras

Por Patrick Granja / A Nova Democracia

Cerca de mil pessoas saíram às ruas de Portland — localizada no noroeste do USA, no estado de Oregon — depois que duas pessoas foram covardemente assassinadas pela polícia. O primeiro crime aconteceu no dia 29 de janeiro, quando o inspetor de polícia Ron Frashour atirou e matou um homem desarmado em um estacionamento da cidade. Já no dia 22 de março, outro policial, Jason Walters, executou a tiros um morador de rua de 58 anos e como justificativa disse que “o mau-cheiro e a inconveniência do homem estavam o incomodando”.

Revoltados com os crimes, mais de mil jovens e trabalhadores tomaram as ruas da cidade na última segunda-feira (29) à noite, entrando em confronto com a polícia. Com paus, pedras e coquetéis molotov, os manifestantes atacaram prédios públicos e bancos, entre eles o Bank of America, pioneiro do imperialismo yankee. Para escapar da repressão, estudantes adotaram a tática de ir ao protesto levando uma muda de roupas e utilizando apenas itinerários por vias estreitas, menos fiscalizadas pela polícia. No total, quatro pessoas foram presas e oito ficaram feridas, sendo três policiais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s